Geração DUX recebe inscrições até 2/03

Estão abertas até 2 de março as inscrições para a 5ª edição do Geração DUX, uma formação de novas lideranças jovens que visa potencializar a atuação de profissionais com interesse por pautas de impacto coletivo.  O programa, realizado e financiado pela Fundação Gerações desde 2016, contempla capacitação técnica, oficinas de autodesenvolvimento e networking.

A iniciativa é voltada para jovens de 20 a 32 anos, graduados ou cursando o Ensino Superior, que aspirem legitimar-se na dedicação a causas que sejam do interesse de muitos: a agenda cultural, educacional, assistencial, da saúde, da política formal ou ampliada, da gestão empresarial a preservação ambiental e a sustentabilidade, o empreendedorismo grupal e o desenvolvimento econômico, social e comunitário.

A iniciativa é um investimento no desenvolvimento humano e social inédita no Rio Grande do Sul. O Geração DUX já promoveu a formação de 108 jovens profissionais que representaram mais de 50 organizações públicas e privadas do Estado. A formação contempla palestras, capacitação técnica, oficinas de desenvolvimento de competências e habilidades,  networking e visitas de imersão em empresas e organizações que se destacam em suas áreas de atuação.

“Entre tantos objetivos, aspiramos ajudar o Rio Grande do Sul no esforço de retenção de seus melhores quadros profissionais, incentivando que seus talentos sejam operados em nossas organizações e instituições, sejam públicas, sejam privadas”, explica o diretor-presidente da Fundação Gerações, Léo Voigt.

Em 2020 o DUX ocorrerá entre abril e dezembro, com encontros mensais de dois a três dias. O planejamento pedagógico é composto por palestras, workshops, oficinas de capacitação e imersão em experiências sociais e de gestão empresarial e pública.

 

O planejamento pedagógico também engloba a realização de um módulo fora do Estado. O grupo da primeira edição foi recebido pela Fundação Grupo Boticário, em Curitiba. Em 2017, a turma do Geração DUX foi ao Insper, Cubo e Twitter, em São Paulo. Em 2018, o programa realizou seu primeiro intercâmbio internacional em Lima, no Peru, onde o grupo participou do XIV Encontro Ibero-americano da Sociedade Civil – incluindo a apresentação de cases no Fórum Jovem do evento. No ano passado, o destino foi Mariana (MG), onde a turma pode conhecer algumas experiências da Fundação Renova no processo de reparação após o desastre da barragem do Fundão.

“A formação nos instiga a um pensamento questionador e reflexivo, tanto individual quanto em grupo. Nos encoraja também a, a partir de quem somos, exercermos nosso papel e fazermos a diferença nos meios onde atuamos. Foi uma jornada coletiva, que me enriqueceu muito individualmente”, resume a administradora Patricia de Brum Aguiar, que integrou a turma de 2019.

Para Brenda Pereira Guedes, servidora da Fundação de Amparo Sócio Educativo do Rio Grande do Sul (FASE), a motivação para participar da seleção do DUX em 2018 foi o interesse em pensar formas de levar inovação ao setor público.  “Toda a formação foi pensada e organizada de forma muito propícia para o desenvolvimento da turma como um verdadeiro grupo de pessoas que agora têm ainda mais incentivos para disseminar os valores, as ideias e conhecimentos em busca de uma sociedade mais inclusiva, justa e inovadora”, relata.

A chamada pública com o detalhamento do processo seletivo para o Geração DUX 2020 está disponível no site do programa, www.geracaodux.com.br/inscricoes.

 

Comments are closed.